CARROS da F1 estão muitos PESADOS
Por Sérgio Siverly em 06/06/2019, às 10h45

remove_red_eye  752
Diretor da Renault acredita que a categoria precisa diminuir o peso dos carros para melhorar o espetáculo.
O diretor da Renault, Cyril Abiteboul, quer que a F1 reduza o peso dos carros para melhorar a competição. O peso mínimo de um carro atual da categoria é de 740kg sem combustível, mas com o piloto. Há 10 anos, o peso mínimo era de 605kg. 🗣“Eu presto atenção ao peso. Aumentá-lo é errado. Eu luto pela redução do peso para gerar uma melhor experiência aos pilotos e melhorar a competição. Os carros atuais não são espetaculares o bastante porque são muito pesados, mas nem todos concordamos. O Toto tem uma opinião diferente.”
🗣“Pessoalmente, penso que os carros poderiam ser mais poderosos e mais leves. No terceiro setor de Barcelona, na chicane, você pode ver que o carro moderno de F1 é volumoso. Naquele setor, o piloto não tem muitas dificuldades e isso dá a impressão que qualquer um pode guiar um F1, algo que não é verdade.” 🗣“A F1 deve restaurar esse sentimento, até visualmente falando, para os espectadores. As pessoas precisam sentir que é algo excepcional e que apenas poucos podem guiar um F1.”

O menino que ficava em frente da TV com um prato fingindo ser um piloto de F1 nos anos 1990 e o cabeça de gasolina por trás do BOTECO F1.

Vídeos relacionados
Desenvolvido por
Contém Tecnologia